Voltar à Agenda

Visita ao Teatro Lethes – Dia Mundial do Teatro

Visitar Sítio Web do evento

Visita guiada

Celebremos o Dia Mundial do Teatro no Teatro Lethes!

Um marco de Devoção, Educação, Tragédia, Amor, Mistério e Cultura. Na mitologia grega, Lethes é um mítico rio, cujas águas têm o poder de apagar da lembrança das almas os reveses e as amarguras da vida.

Em  1843, o edifício hoje conhecido por Teatro Lethes  foi arrematado em hasta pública pelo Dr. Lazaro Doglioni, que manifestara publicamente intenção de construir em Faro um teatro à semelhança do S. Carlos, de Lisboa e do “À La Scalla”, de Milão. A inscrição latina na fachada do edifício, monet oblectando, poderá ser traduzida por “instruir, brincando”, salientando assim as preocupações culturais do promotor da construção desta sala de espectáculos.

A inauguração do Teatro Lethes efectuou-se a 4 de Abril de 1845, associando-se às comemorações do aniversário da Rainha D. Maria II. Mais tarde, em 1860, foi ampliado pelo Dr. Justino Cúmano, sobrinho de Lázaro Doglioni. A 11 de Setembro de 1898 exibia-se pela primeira vez em Faro o chamado animatógrafo, instalado no Teatro Lethes por este ser o mais amplo e distinto espaço cultural da cidade. Foi restaurado entre 1906 e 1908 para melhorias de acústica e conforto. O declínio dos espectáculos e, consequentemente, da sala, começa em 1920, encerrando-se o Teatro em 1925, tendo sido vendido o imóvel à Cruz Vermelha Portuguesa, em cuja posse ainda se mantém. A sala do Teatro Lethes foi mais tarde cedida, por protocolo, à Delegação Regional do Algarve do Ministério da Cultura. Na ala Norte, restaurada e adaptada em 1991, funcionaram os serviços regionais do Ministério da Cultura.

A 5 de Outubro de 2012, por protocolo entre o Município de Faro e a Cruz Vermelha Portuguesa, o Teatro Lethes recuperou o seu inicial desígnio. Nele foi instalada A Companhia de Teatro do Algarve – ACTA como estrutura residente. A ACTA, além de apresentar espectáculos de sua criação promove no Teatro Lethes também acolhimentos, cabendo-lhe ainda a gestão do equipamento.

Na mística do Teatro Lethes existem dois episódios marcantes: o de uma bailarina que se terá suicidado no palco por razão de amor não correspondido; e o de um militar napoleónico, cujo esqueleto foi encontrado, emparedado, no local onde hoje está instalada a cabina eléctrica.

Quando

27 Março 2019, Quarta-feira

14h00

27 Março 2019, Quarta-feira

21h30

Para Quem

Surdos e deficiência auditiva

Crianças (até aos 12), Jovens (13-17), Adultos, Seniores

Serviços

Língua Gestual Portuguesa