Voltar à Agenda

Excalibur De Mariana Tengner Barros

EVENTO TERMINADO

Dança

Este projecto surge da vontade de valorizar a Natureza, com foco especial nas árvores e na importância que estas têm no equilíbrio dos ecossistemas.

O processo de criação teve origem no mapeamento das árvores mais antigas da área da grande Lisboa. Foram escolhidas 4 áreas em torno das árvores identificadas: Alcântara, Lumiar, Loures e Benfica. Grande parte da pesquisa desenvolveu-se sob acções simbólicas resultantes do diálogo com a  comunidade local, pequenas performances e gravações de vídeo. Esta fase do projecto chama-se Floresta Invisível, espaço de performance autónomo, temporário e móvel, cujo material recolhido e trabalhado integra a dramaturgia de Peça do Coração: EXCALIBUR. Desta forma, a estrutura performativa pode ser adaptada a diversas escalas e contextos, sendo sempre pontuada por materiais específicos de cada território onde se trabalha. Em Castelo Branco foram escolhidas 3 árvores milenares e centenárias do distrito nas freguesias de Póvoa da Atalaia, Montes da Senhora e Cernache do Bonjardim.

Na criação de Excalibur são também incluídas estratégias que permitem produzir conteúdos acessíveis a pessoas cegas e surdas. É muito importante para a equipa deste projecto que este possa contribuir para a erradicação do preconceito e exclusão em relação a pessoas com deficiência, contando também com a participação de Intérprete de Língua Gestual Portuguesa, integrada na composição da peça, enquanto performer, não havendo separação entre esta e os restantes intérpretes.

Quando

11 Junho 2021, Sexta-feira

20h30

Onde

Castelo Branco

Cine-Teatro Avenida

Telefone 272 349 560

Email culturavibra@gmail.com

Para Quem

Surdos e deficiência auditiva

Jovens (13-17), Adultos, Seniores

Serviços

Língua Gestual Portuguesa